sexta-feira, 5 de junho de 2009

Reflexões

Quanto dinheiro se precisa para criar um filho?

Nos últimos dias, tenho refletido bastante sobre o tipo de estrutura financeira que os pais devem ter para cuidar de uma criança. Em particular, penso na questão da estabilidade.

A vinda da Maria Alice fez ressurgir em mim uma vontade de maior independência. Precisamos realmente ter um emprego fixo, como hora para entrar e sair? É possível se sustentar hoje em dia com um horário e trabalhos flexíveis? Não sei se existem respostas consensuais a estas perguntas, mas tenho certeza que gostaria de ter mais tempo livre para ficar com a minha filha.

Como assalariado, tenho hoje renda maior que a do meu pai quando este tinha quatro filhos para cuidar. O mesmo vale em relação à minha mãe e Mamãe Paixão. Não precisei de luxo para ser educado por meus pais. Não tínhamos de tudo, mas o que tínhamos nos fazia felizes. Éramos uma família.

Atualmente, no entanto, o padrão da sociedade mudou. Gasta-se com internet e celular, isso não existia antes. Planos de saúde são quase mandatórios, e olha que eu e meus irmãos nascemos em hospitais públicos. Televisão a cabo não existia também (é desnecessário, eu sei). Tampouco o transporte e a alimentação pesavam tanto no orçamento. São outros tempos, é outra realidade.

Após o parto, Mamãe Paixão ficará seis meses em casa. Não me sinto carregando todo o peso do mundo para manter a infra-estrutura familiar, mas sei que pelo menos não devo furar com minhas responsabilidades.

Posso ter estabilidade financeira, posso não ter. Posso ser regrado pelo sistema trabalhista, posso não ser. Posso estudar, posso não estudar. São reflexões que faço. São reflexões que faço.

Um comentário:

  1. dinheiro? Zero.
    prova?: LUIS IGNACIO LULA DA SILVA.

    ...obrigada por teus parabéns pelo meu aniverário !!!

    beijinho

    ResponderExcluir