domingo, 16 de agosto de 2009

Mulher

Antes de vir escrever esse post tasquei um beijo gostoso na Mamãe Paixão.

Uma mulher não chega à 38ª semana de gravidez deixando de ser mulher. Ela guarda o seu calor, sua sensibilidade (ou, pelo menos, foi assim aqui em casa). Por isso mesmo devemos cuidar dela observando sempre que carrega uma criança no ventre, mas que mantém sua individualidade.

Tentei lembrar disso e acho que consegui fazer bem a minha parte. Dei carinho, dei atenção, dei presentes, respeitei. Não sou perfeito e cometi meus erros também, a deixei triste, chateada em algums momentos, em outros feliz e animada.

Mas isso é humano e isso é o normal. Ela agora deixa de ser apenas uma mulher e se torna também mãe, merece ainda mais atenção e ainda mais o nosso amor. E eu tenho que estar à altura dessa nova vida. Vamos ver, a qualquer hora agora!

Nenhum comentário:

Postar um comentário