terça-feira, 3 de agosto de 2010

Theodoro - e um pai sensível

Esse não é um texto da Maria Alice, e sim do Theodoro, um bebê que conheci acompanhando o blog da Dê Freitas. Esta, por sua vez, chegou até aqui procurando informações de um pediatra que citei logo que Maria Alice nasceu. Há toda uma rede de blogs de mães e, em muito menor quantidade, alguns blogs de pais também. E as pessoas pesquisam na internet, então acabam se encontrando umas às outras.

Theodoro, ou só Theo, é um bebê de oito meses com problemas de saúde. Sua mãe mantém um blog em que conta o que acontece com seu filho, que está sofrendo.

Alguns dias atrás, Dê Freitas pediu orações pela saúde de Theo. Eu não tive coragem de abrir o blog, pois já sabia qual seria minha reação. Hoje, novamente, a manteve a solicitação de boas vibrações para o bebê, e eu finalmente entrei no site.

Mas não me contive, como sabia que não iria me conter, e chorei ao ver as fotos.

Se algo mudou em mim desde que Maria Alice nasceu foi a sensibilidade em relação aos bebês. Não suporto mais ler, ver, ouvir uma história triste de uma criança. Sou tão feliz por ter minha filha, e sofro tanto com medo de que algo aconteca com ela um dia.

Rezem (ou enviem energia) pelo menino. Ele precisa. Nenhuma criança deveria nascer doente. Nenhum pai deveria sofrer pelo seu filho em um hospital. É doloroso demais.

3 comentários:

  1. Nossa Vergueiro faço das suas as minhas palavras, não tenho blog mas acompanho o seu e acompanho a história do Théo e confesso tem dias que não durmo querendo ter noticas do Théo, eu tenho um filho de 9 meses e não me imagino na mesma situação...desde que soube da hitória rezo todos os dias, e não suporto ver as fotos choro todos os dias que vejo mas não consigo ficar sem noticias...Rezo e peço que todos que tem filhotinhos rezem tb pq Deus vai ouvir, pq a dor é forte demais!
    Um beijo pra vc pra Maria Alice essa fofa que Deus abençoe nossos PEQUENOS ANJINHUS!

    ResponderExcluir
  2. Oi JP. Pois é, eu também choro sempre que vejo ou leio algo sobre o Theo. Conheço a mãe dele assim, como conheço você, somente pelo blog. Mas me sinto tão ligada a ela que minha vontade era estar lá, do lado dela. O que podemos fazer é vibrar, rezar...enfim...cada um na sua fé ou crença, para que ele se recupere logo.

    Ela com certeza é uma fortaleza que serve de inspiração, pois, assim como você, morro de medo só de imaginar que a Manuela possa ter alguma dorzinha. As vezes me pego a pensar: Ai meu Deus...e o dia que ela bater a cabeça em um tombo (sim, pq isso tem quase 100% de chance de acontecer), ter febre, dor de ouvido...como vai ser???

    Agora mudando de assunto e voltando ao tema amamentação, esta é a semana da amamentação e a Letícia, dos pelos cotovelos e cotovelinhos (que já ndiquei outra vez para você) está com posts temáticos. Vale à pena conferir.

    ResponderExcluir
  3. Olá meninas! Espero realmente q ele esteja melhor. Toda energia é importante nessa hora!

    ResponderExcluir